A revista Exame citou uma pesquisa realizada pela psicóloga Michelle McQuaid, que revelou um dado interessante: 65% dos profissionais entrevistados disseram que prefeririam um bom chefe a um aumento de salário. Esse estudo mostra a importância de uma boa relação entre chefe e funcionário para a gestão de pessoas da empresa.

Mas o que é preciso fazer para que esse relacionamento tão delicado e importante para a organização seja o melhor possível? Neste artigo, vamos dar algumas sugestões. Acompanhe!

Promova um bom convívio entre líder e equipe

Miranda Priestly — personagem do filme “O diabo veste prada” — é um exemplo de como não deve ser o tratamento de um líder com os seus colaboradores. Apesar de ser uma executiva eficiente e estrategista, ela mantém os seus liderados com medo e estressados.

Na vida real, este tipo de comportamento prejudica o líder porque não obtém o melhor de sua equipe. Além disso, os colaboradores, com o tempo, se cansam de tanto autoritarismo e saem da empresa. Com resultado, a instituição acaba perdendo grandes talentos devido a essa má gestão de pessoas.

Ganhe o respeito de seus funcionários

O que faz alguém ser respeitado? Normalmente, sentimos respeito por uma pessoa quando percebemos seu interesse em nosso bem-estar e, por isso, passamos a confiar nela.

O respeito é diferente do medo. Alguns líderes acreditam que amedrontar os funcionários é a chave para mantê-los sob a sua direção, mas isso é um engano.

A verdade é que um colaborador que teme seu chefe não faz o seu melhor no serviço e, assim, sua produtividade e engajamento com a empresa ficarão seriamente comprometidos.

Daí, com esse clima ruim, como o líder apresentará os bons resultados de sua equipe para a alta direção da instituição? Sem o respeito dos seus funcionários, sua própria posição de liderança fica comprometida.

Delegue responsabilidades

O líder ganha a admiração dos colaboradores quando transfere tarefas que eles podem realizar. Quando faz assim, a equipe entende que o seu encarregado confia neles e sabe do que são capazes.

Além disso, essa atitude gera um espírito de companheirismo no ambiente de trabalho. Ainda outro benefício dessa prática é a retenção de talentos, pois esses profissionais de alto rendimento gostam de ter novas responsabilidades e quando conseguem isso, dificilmente saem da empresa.

Dê atenção aos seus colaboradores

Uma qualidade que precisa ser desenvolvida pela liderança é ser um bom ouvinte. Pois algo que fere muito os sentimentos de um funcionário é quando conversa com seu superior sobre um assunto que considera importante, mas não tem a atenção dele.

Para fazer uma boa gestão de pessoas e manter um relacionamento saudável com os funcionários, alguns líderes não esperam até que um membro de sua equipe vá até seu escritório para conversar.

Pelo contrário, eles tentam criar oportunidades para se aproximarem de seus colaboradores. Por exemplo, Alexandre Tadeu da Costa — empresário e fundador da empresa Cacau Show — se reúne todo mês com os colaboradores para interagir com eles e conhecê-los melhor.

O ambiente desses encontros é bem descontraído, com música e alguns petiscos. Além disso, toda segunda-feira no início do expediente, é feita uma reunião com toda a equipe para dialogar sobre as metas da empresa e também os objetivos pessoais de cada membro para a semana.

Ofereça feedbacks constantemente

Um bom chefe oferece conselhos sobre o que o funcionário precisa melhorar em seus serviços, elogia um trabalho bem-feito e dá orientações para o seu desenvolvimento profissional.

Esses feedbacks são importantes e necessários, pois dão segurança aos membros da equipe. A falta deles pode ser comparada a uma pessoa que chega a uma cidade desconhecida e fica perdida porque não consegue ninguém para lhe dar uma informação sobre como chegar ao destino que deseja.

A GTPW — Great Place to Work — apresentou uma pesquisa sobre o valor de um feedback. Neste estudo, foram entrevistados os funcionários das 150 melhores empresas para trabalhar no Brasil. Durante um ano, eles receberam feedbacks de seus superiores.

Ao final desse período, ficou constatado que aqueles que receberam apenas um feedback tiveram um grau de confiança em sua empresa de 78%, os que receberem 3 atingiram a média de 86% e os que ganharam mais de 4 chegaram ao nível de satisfação de 90%.

Realize treinamentos de capacitação

Por meio de um programa de treinamento bem direcionado, o gestor consegue agradar os seus colaboradores e fazê-los se sentir estimados. De fato, o líder que capacita sua equipe demonstra que se importa com seu progresso profissional.

Além disso, essa atitude revela uma qualidade: a humildade. Como assim? Se um chefe quer fornecer mais treinamento para os seus funcionários, estes, com o tempo, podem ficar até melhores e mais capacitados do que ele.

Mas um líder competente confia em sua capacidade profissional e não tem medo de fazer outros crescerem na empresa. Quando a equipe percebe essas atitudes nobres vindas da liderança, aumenta o respeito e a admiração deles pelo chefe e a relação entre ambos fica muito mais agradável.

Valorize seus funcionários

Todo profissional quer ter seu trabalho reconhecido, caso a chefia não faça isso, a desmotivação pode impedir a produtividade dos trabalhadores. Por meio de premiações, a liderança pode demonstrar que se importa com o serviço que a equipe presta.

Um bom exemplo da eficiência dessa prática, é uma empresa do segmento da indústria farmacêutica, que premia os funcionários de melhor desempenho com dias de folga, viagens, troféus, etc. Desse modo, a empresa consegue dizer para os seus colaboradores o quanto os valoriza.

Do mesmo modo, o líder pode criar uma política de premiação para os membros de sua equipe que obtiveram um bom rendimento em seus serviços. Se fizer isso, com certeza será muito mais fácil conseguir a simpatia de todos os trabalhadores.

Sendo assim, aplique em seu ambiente empresarial as sugestões apresentadas neste artigo e tenha a convicção de que um bom relacionamento entre liderança e liderados é uma das chaves para o sucesso da empresa.

Gostou de saber como uma boa relação entre chefe e funcionário melhora a gestão de pessoas? Então siga-nos nas redes sociais: estamos no FacebookTwitterGoogle+,YoutubeLinkedin e Instagram.